Blog da responsabilidade de Nelson Correia, Advogado, Vereador na Câmara Municipal de Penafiel, deputado na IX Legislatura e militante do Partido Socialista
Sábado, 29 de Setembro de 2007
“Que grande noia”
Os militantes do PSD convencidos que o Dr. Mendes não os levariam de regresso ao poder, olharam para o lado, voltaram a olhar, desesperados voltaram, mais uma vez, a olhar, e nada mais viram que o estridente Dr. Menezes a prometer-lhes o tão desejado paraíso: a mesa do orçamento.

O PSD não sabe viver longe do poder. Não suporta a falta do cheiro das nomeações, das trocas das pequenas e grandes influências. Não existe, sem mandar.

Ora, há muito que se via que o Dr. Mendes nunca chegaria a primeiro-ministro.
Uma vez “grande noia”, nunca mais primeiro. Ajudante, seguramente, primeiro nunca.

O povo do PSD sabia-o e estava pronto para dar uma oportunidade ao primeiro que aparecesse a prometer o que o Dr. Mendes não dava, por mais que prometesse o contrário.
Os elegíveis primeiros-ministros do PSD é que, ou não deram por isso, ou então, como dizia por aqui, o Presidente da Junta de Freguesia de Penafiel, preferiram, a “forma manhosa e traiçoeira de fazer politica”, e por isso, decidiram que esta não era a melhor oportunidade.

E assim temos o Dr. Menezes a chefiar o maior partido da oposição.

O que vai mudar?
Nada!
O PSD continuará, como até aqui, a dizer mal de tudo o que o governo fizer e a dizer o contrário do que fez quando foi governo.
Tudo igual, portanto, com uma pequena diferença: nesse papel, o Dr. Menezes é bem melhor que o Dr. Mendes e não procurará disfarçar a demagogia com um ou outro pacto com o partido socialista.

Com Menezes, o PSD será do contra, das facilidades e ponto final.

Mas, para mim, o mais importante era saber como votaram os militantes da Amazónia que o Dr. Menezes descobriu nos cadernos eleitorais do PSD! Se eles votaram no Dr. Menezes, é de ficar preocupado..."a bem da nação"...


publicado por pena-fiel às 15:17
link do post | comentar | favorito
|

“Que grande noia”
Os militantes do PSD convencidos que o Dr. Mendes não os levariam de regresso ao poder, olharam para o lado, voltaram a olhar, desesperados voltaram, mais uma vez, a olhar, e nada mais viram que o estridente Dr. Menezes a prometer-lhes o tão desejado paraíso: a mesa do orçamento.

O PSD não sabe viver longe do poder. Não suporta a falta do cheiro das nomeações, das trocas das pequenas e grandes influências. Não existe, sem mandar.

Ora, há muito que se via que o Dr. Mendes nunca chegaria a primeiro-ministro.
Uma vez “grande noia”, nunca mais primeiro. Ajudante, seguramente, primeiro nunca.

O povo do PSD sabia-o e estava pronto para dar uma oportunidade ao primeiro que aparecesse a prometer o que o Dr. Mendes não dava, por mais que prometesse o contrário.
Os elegíveis primeiros-ministros do PSD é que, ou não deram por isso, ou então, como dizia por aqui, o Presidente da Junta de Freguesia de Penafiel, preferiram, a “forma manhosa e traiçoeira de fazer politica”, e por isso, decidiram que esta não era a melhor oportunidade.

E assim temos o Dr. Menezes a chefiar o maior partido da oposição.

O que vai mudar?
Nada!
O PSD continuará, como até aqui, a dizer mal de tudo o que o governo fizer e a dizer o contrário do que fez quando foi governo.
Tudo igual, portanto, com uma pequena diferença: nesse papel, o Dr. Menezes é bem melhor que o Dr. Mendes e não procurará disfarçar a demagogia com um ou outro pacto com o partido socialista.

Com Menezes, o PSD será do contra, das facilidades e ponto final.

Mas, para mim, o mais importante era saber como votaram os militantes da Amazónia que o Dr. Menezes descobriu nos cadernos eleitorais do PSD! Se eles votaram no Dr. Menezes, é de ficar preocupado..."a bem da nação"...


publicado por pena-fiel às 15:17
link do post | comentar | favorito
|

Assembleia Municipal de 28 de Setembro.



A Assembleia Municipal reuniu em sessão ordinária, ontem, dia 28 de Setembro.
Por força das directas no PSD, o ambiente desta sessão foi particularmente tenso e agitado. As hostes laranjas, divididas entre o dever autárquico de garantir a maioria na assembleia e o de militância, entravam e saíam da sala, de ouvido no que diziam os deputados municipais da oposição e no telemóvel que soava a toques de mobilização das tropas para o acto eleitoral que se aproximava.


Nos corredores, as divergências entre as hostes laranjas eram bastante ruidosas. A causa principal estava na carta do apoiante de Marques Mendes, Jaime Neto, Vice-Presidente da Câmara que causara nos apoiantes de Filipe Meneses tamanha indignação que a resposta foi mais contundente do que qualquer um dos comunicados do PS que originou as queixas-crimes por parte dos organizadores da Agrival, da Junta de Turismo das Termas e do Presidente da Câmara.

O Presidente da Junta de Penafiel, Carlos Leão, não esteve com meias palavras e segundo o jornal “O Verdadeiro Olhar” disse de Jaime Neto o que Maomé não disse do toucinho. Não é que o Presidente da Junta de Freguesia de Penafiel, acha que o Vice-Presidente da Câmara, não passa de “um peso morto que prejudica mais que ajuda" que é "um individuo que só olha para a barriga dele em vez de olhar para o concelho"; que a sua forma de fazer politica "é manhosa e traiçoeira". Que, afinal, nada disso o admira porque Jaime Neto, "é do Porto".

Já um Presidente de Junta do PSD não tinha dúvidas quanto ao seu sentido de voto nas directas. Confrontado por um apoiante de Marques Mendes, atirou-lhe: "ó pá, deixas-te disso, o tipo nem altura tem para presidente de junta quanto mais para presidente do partido!"

Embalada pelo ambiente, a senhora deputada Hermínia Magalhães, a propósito do episódio Santana Lopes/Sic Noticias vs José Mourinho, dissertou sobre a educação, concluindo que a "relação entre a politica e o futebol é muitas vezes incestuosa ou até adultera".

Mal por mal, antes adultera que incestuosa, digo eu.

Mas o que é que o Santana e o Mourinho terão a ver com Penafiel?

Apesar de se manifestar contra a alteração da Lei Eleitoral para as Autarquias Locais que, entre outras coisas, prevê o reforço das competências das assembleias municipais, o senhor Deputado Adrião Cunha, não teve dúvidas em afirmar, com toda a convicção que a assembleia municipal " é um órgão de faz de conta", estando a sua virtude na possibilidade que lhe dá de encontrar velhos amigos, porque não tem dúvidas que o melhor da assembleia é "ouvir-nos uns aos outros".

Nesta assembleia também ficámos a saber que a seguir ao "papa chiclas" a Câmara tem em mente, lançar o "papa preservativos". Isto se a JS continuar a fazer campanhas sem aviso prévio...

Que o encerramento das piscinas das Termas de S. Vicente, ao contrário do que afirmou o Vereador Mário Magalhães, deve-se ao facto de, na Câmara, "não terem tido tempo para resolver todos os problemas que o PS lhes deixou".

Não estivesse o Dr. Alberto Santos há seis anos à frente da Câmara e eu diria que o problema das piscinas, como o das termas, como o do quartel da GNR, como o do IC35, deve-se à incompetência de D. Afonso Henriques, afinal, se não fosse ele, não havia Portugal...

Que o Dr. Alberto Santos não dá a informação que devia, não tem dúvidas o Dr. Sousa Pinto:

"Ando aqui às ceguinhas! O senhor aqui não diz nada, senhor Presidente."

Por isso, a oposição tem que andar às apalpadelas. Se nada lhe dizem, têm que lhe perdoar as perguntas incómodas e procurarem responder, em vez de avançarem com processos judiciais.

Ou então, deixarem-se de trocadilhos quanto às comissões ou falta delas, na Agrival e fazerem como desafiou o deputado municipal Micael Cardoso:

"Traga as contas da Agrival "

A boa nova desta assembleia foi a informação de que o PDM foi ratificado em Conselho de Ministros do dia 20 de Setembro e está para publicação que acontecerá dentro dos próximos dias.


</>


publicado por pena-fiel às 14:36
link do post | comentar | favorito
|

Assembleia Municipal de 28 de Setembro.



A Assembleia Municipal reuniu em sessão ordinária, ontem, dia 28 de Setembro.
Por força das directas no PSD, o ambiente desta sessão foi particularmente tenso e agitado. As hostes laranjas, divididas entre o dever autárquico de garantir a maioria na assembleia e o de militância, entravam e saíam da sala, de ouvido no que diziam os deputados municipais da oposição e no telemóvel que soava a toques de mobilização das tropas para o acto eleitoral que se aproximava.


Nos corredores, as divergências entre as hostes laranjas eram bastante ruidosas. A causa principal estava na carta do apoiante de Marques Mendes, Jaime Neto, Vice-Presidente da Câmara que causara nos apoiantes de Filipe Meneses tamanha indignação que a resposta foi mais contundente do que qualquer um dos comunicados do PS que originou as queixas-crimes por parte dos organizadores da Agrival, da Junta de Turismo das Termas e do Presidente da Câmara.

O Presidente da Junta de Penafiel, Carlos Leão, não esteve com meias palavras e segundo o jornal “O Verdadeiro Olhar” disse de Jaime Neto o que Maomé não disse do toucinho. Não é que o Presidente da Junta de Freguesia de Penafiel, acha que o Vice-Presidente da Câmara, não passa de “um peso morto que prejudica mais que ajuda" que é "um individuo que só olha para a barriga dele em vez de olhar para o concelho"; que a sua forma de fazer politica "é manhosa e traiçoeira". Que, afinal, nada disso o admira porque Jaime Neto, "é do Porto".

Já um Presidente de Junta do PSD não tinha dúvidas quanto ao seu sentido de voto nas directas. Confrontado por um apoiante de Marques Mendes, atirou-lhe: "ó pá, deixas-te disso, o tipo nem altura tem para presidente de junta quanto mais para presidente do partido!"

Embalada pelo ambiente, a senhora deputada Hermínia Magalhães, a propósito do episódio Santana Lopes/Sic Noticias vs José Mourinho, dissertou sobre a educação, concluindo que a "relação entre a politica e o futebol é muitas vezes incestuosa ou até adultera".

Mal por mal, antes adultera que incestuosa, digo eu.

Mas o que é que o Santana e o Mourinho terão a ver com Penafiel?

Apesar de se manifestar contra a alteração da Lei Eleitoral para as Autarquias Locais que, entre outras coisas, prevê o reforço das competências das assembleias municipais, o senhor Deputado Adrião Cunha, não teve dúvidas em afirmar, com toda a convicção que a assembleia municipal " é um órgão de faz de conta", estando a sua virtude na possibilidade que lhe dá de encontrar velhos amigos, porque não tem dúvidas que o melhor da assembleia é "ouvir-nos uns aos outros".

Nesta assembleia também ficámos a saber que a seguir ao "papa chiclas" a Câmara tem em mente, lançar o "papa preservativos". Isto se a JS continuar a fazer campanhas sem aviso prévio...

Que o encerramento das piscinas das Termas de S. Vicente, ao contrário do que afirmou o Vereador Mário Magalhães, deve-se ao facto de, na Câmara, "não terem tido tempo para resolver todos os problemas que o PS lhes deixou".

Não estivesse o Dr. Alberto Santos há seis anos à frente da Câmara e eu diria que o problema das piscinas, como o das termas, como o do quartel da GNR, como o do IC35, deve-se à incompetência de D. Afonso Henriques, afinal, se não fosse ele, não havia Portugal...

Que o Dr. Alberto Santos não dá a informação que devia, não tem dúvidas o Dr. Sousa Pinto:

"Ando aqui às ceguinhas! O senhor aqui não diz nada, senhor Presidente."

Por isso, a oposição tem que andar às apalpadelas. Se nada lhe dizem, têm que lhe perdoar as perguntas incómodas e procurarem responder, em vez de avançarem com processos judiciais.

Ou então, deixarem-se de trocadilhos quanto às comissões ou falta delas, na Agrival e fazerem como desafiou o deputado municipal Micael Cardoso:

"Traga as contas da Agrival "

A boa nova desta assembleia foi a informação de que o PDM foi ratificado em Conselho de Ministros do dia 20 de Setembro e está para publicação que acontecerá dentro dos próximos dias.


</>


publicado por pena-fiel às 14:36
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 10 de Setembro de 2007
Visita de Dalai Lama
Embora tenha passado despercebido aos líderes Portugueses, o nosso País está a ser vistado por um Chefe de Estado. O Dalai Lama é Chefe de Estado do Tibete, embora uma nação agressora não deixe os tibetanos escolher e seguir o seu caminho.

Não vou estar com muitos mais comentários sobre este facto, pois ele é bem conhecido de todos. Apenas partilho a estranheza de este Chefe de Estado não ser recebido como tal, pelo Primeiro-Ministro e pelo Presidente da República.




publicado por pena-fiel às 18:44
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Visita de Dalai Lama
Embora tenha passado despercebido aos líderes Portugueses, o nosso País está a ser vistado por um Chefe de Estado. O Dalai Lama é Chefe de Estado do Tibete, embora uma nação agressora não deixe os tibetanos escolher e seguir o seu caminho.

Não vou estar com muitos mais comentários sobre este facto, pois ele é bem conhecido de todos. Apenas partilho a estranheza de este Chefe de Estado não ser recebido como tal, pelo Primeiro-Ministro e pelo Presidente da República.




publicado por pena-fiel às 18:44
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Quinta-feira, 6 de Setembro de 2007
Terrorismo de Estado
Como também existe terrorismo de Estado, e neste caso de um Estado onde existem eleições, Israel, que como se pode ver por aqui, vai punir indiscriminadamente toda uma população pelos actos de uns tantos lançadores de rockets.


Como podem observar, tanto condeno a violência utilizada por um lado como pelo outro, embora reconheça que a violência observada pelo lado Palestiniano resulta de décadas de opressão e ocupação Israelita.




</>


publicado por pena-fiel às 18:25
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Terrorismo de Estado
Como também existe terrorismo de Estado, e neste caso de um Estado onde existem eleições, Israel, que como se pode ver por aqui, vai punir indiscriminadamente toda uma população pelos actos de uns tantos lançadores de rockets.


Como podem observar, tanto condeno a violência utilizada por um lado como pelo outro, embora reconheça que a violência observada pelo lado Palestiniano resulta de décadas de opressão e ocupação Israelita.




</>


publicado por pena-fiel às 18:25
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Terça-feira, 4 de Setembro de 2007
Falsidades ou não....
Em seguimento de uma série de posts noutros blogs, admito que me facilitam o trabalho para este blog, coloco dois links onde se pode observar a tal falta de relação entre o PC Colombiano e as FARC e onde também se observa que o PCP em nada se relaciona com as FARC.

Os links são este e mais este.


</>


publicado por pena-fiel às 19:09
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Falsidades ou não....
Em seguimento de uma série de posts noutros blogs, admito que me facilitam o trabalho para este blog, coloco dois links onde se pode observar a tal falta de relação entre o PC Colombiano e as FARC e onde também se observa que o PCP em nada se relaciona com as FARC.

Os links são este e mais este.


</>


publicado por pena-fiel às 19:09
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
28
29

30


posts recentes

Estados de espírito

PIDDAC

Autárquicas 2009

OPÇÕES

"MUDAR DE DISCURSO"

Ventos que sopram do Avan...

Afinal a senhora fala!

EXIGIR COMPROMISSOS

Muda-se de líder, mantém-...

Fuga para a frente

arquivos

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

tags

todas as tags

links
participar

participe neste blog

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds