Blog da responsabilidade de Nelson Correia, Advogado, Vereador na Câmara Municipal de Penafiel, deputado na IX Legislatura e militante do Partido Socialista
Domingo, 30 de Julho de 2006
As pombas já não voam sobre o Líbano
Vinte e duas crianças perderam a vida em mais um dos bombardeamentos de Israel sobre o Líbano, agora na aldeia de Cana.
Na guerra são sempre os inocentes os que mais sofrem.
Até quando o
Mundo permanecerá insensivel a esta tragédia?!


publicado por pena-fiel às 19:55
link do post | comentar | favorito
|

As pombas já não voam sobre o Líbano
Vinte e duas crianças perderam a vida em mais um dos bombardeamentos de Israel sobre o Líbano, agora na aldeia de Cana.
Na guerra são sempre os inocentes os que mais sofrem.
Até quando o Mundo permanecerá insensivel a esta tragédia?!



publicado por pena-fiel às 12:07
link do post | comentar | favorito
|

As pombas já não voam sobre o Líbano
Vinte e duas crianças perderam a vida em mais um dos bombardeamentos de Israel sobre o Líbano, agora na aldeia de Cana.
Na guerra são sempre os inocentes os que mais sofrem.
Até quando o Mundo permanecerá insensivel a esta tragédia?!



publicado por pena-fiel às 12:07
link do post | comentar | favorito
|

As pombas já não voam sobre o Líbano
Vinte e duas crianças perderam a vida em mais um dos bombardeamentos de Israel sobre o Líbano, agora na aldeia de Cana.
Na guerra são sempre os inocentes os que mais sofrem.
Até quando o Mundo permanecerá insensivel a esta tragédia?!



publicado por pena-fiel às 12:07
link do post | comentar | favorito
|

As pombas já não voam sobre o Líbano
Vinte e duas crianças perderam a vida em mais um dos bombardeamentos de Israel sobre o Líbano, agora na aldeia de Cana.
Na guerra são sempre os inocentes os que mais sofrem.
Até quando o Mundo permanecerá insensivel a esta tragédia?!



publicado por pena-fiel às 12:07
link do post | comentar | favorito
|

As pombas já não voam sobre o Líbano
Vinte e duas crianças perderam a vida em mais um dos bombardeamentos de Israel sobre o Líbano, agora na aldeia de Cana.
Na guerra são sempre os inocentes os que mais sofrem.
Até quando o Mundo permanecerá insensivel a esta tragédia?!



publicado por pena-fiel às 12:07
link do post | comentar | favorito
|

As pombas já não voam sobre o Líbano
Vinte e duas crianças perderam a vida em mais um dos bombardeamentos de Israel sobre o Líbano, agora na aldeia de Cana.
Na guerra são sempre os inocentes os que mais sofrem.
Até quando o Mundo permanecerá insensivel a esta tragédia?!



publicado por pena-fiel às 12:07
link do post | comentar | favorito
|

As pombas já não voam sobre o Líbano
Vinte e duas crianças perderam a vida em mais um dos bombardeamentos de Israel sobre o Líbano, agora na aldeia de Cana.
Na guerra são sempre os inocentes os que mais sofrem.
Até quando o Mundo permanecerá insensivel a esta tragédia?!



publicado por pena-fiel às 12:07
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 29 de Julho de 2006
REABILITAÇÃO DO CENTRO HISTÓRICO

Na campanha eleitoral defendemos a promoção de politicas de incentivo ao arrendamento, como forma de reabilitar o centro histórico da nossa cidade.

É inegável o estado de abandono e de acentuada degradação, de uma boa parte, dos edifícios do centro histórico de Penafiel.
Com as alterações legislativas à Lei do Arrendamento e com as medidas que entretanto o Governo da Republica, anunciou, parecem estar reunidas as condições para que se fomente o arrendamento habitacional, visando, por essa forma, reabilitar o parque edificado dos nossos principais centros históricos e em especial, o da nossa cidade.
Na campanha eleitoral defendemos que a Câmara Municipal deveria contratualizar com os proprietários das casas, dando-lhes incentivos fiscais, pela redução da taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis e garantindo-lhes um rendimento certo, com a condição de procederem a obras de reabilitação e sua entrega para arrendamento. A Câmara tomaria de arrendamento essas casas recuperadas, pagando aos proprietários uma renda, ditada pelas regras do mercado e, depois, as mesmas seriam entregues a pessoas carenciadas e a jovens casais, cobrando-lhes uma renda social.
Volvidos nove meses após as eleições, não se conhece nenhuma iniciativa da Câmara Municipal neste domínio, continuando o nosso centro histórico à espera que se lembrem que uma cidade sem gente, é uma cidade condenada a morrer.
O arrendamento habitacional, pode, com estas medidas do Governo e com a vontade politica da Câmara, tornar-se uma solução interessante, não só para fomentar a reabilitação urbana, como para devolver ao centro histórico da cidade as pessoas que, ao longo dos anos, foi perdendo.


publicado por pena-fiel às 23:25
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 27 de Julho de 2006
REABILITAÇÃO DO CENTRO HISTÓRICO
Na campanha eleitoral defendemos a promoção de politicas de incentivo ao arrendamento, como forma de reabilitar o centro histórico da nossa cidade.
É inegável o estado de abandono e de acentuada degradação, de uma boa parte, dos edifícios do centro histórico de Penafiel.
Com as alterações legislativas à Lei do Arrendamento e com as medidas que entretanto o Governo da Republica, anunciou, parecem estar reunidas as condições para que se fomente o arrendamento habitacional, visando, por essa forma, reabilitar o parque edificado dos nossos principais centros históricos e em especial, o da nossa cidade.
Na campanha eleitoral defendemos que a Câmara Municipal deveria contratualizar com os proprietários das casas, dando-lhes incentivos fiscais, pela redução da taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis e garantindo-lhes um rendimento certo, com a condição de procederem a obras de reabilitação e sua entrega para arrendamento. A Câmara tomaria de arrendamento essas casas recuperadas, pagando aos proprietários uma renda, ditada pelas regras do mercado e, depois, as mesmas seriam entregues a pessoas carenciadas e a jovens casais, cobrando-se-lhes uma renda social.
Volvidos nove meses após as eleições, não se conhece nenhuma iniciativa da Câmara Municipal neste domínio, continuando o nosso centro histórico à espera que se lembrem que uma cidade sem gente, é uma cidade condenada a morrer.
O arrendamento habitacional, pode, com estas medidas do Governo e com a vontade politica da Câmara, tornar-se uma solução interessante, não só para fomentar a reabilitação urbana, como para devolver ao centro histórico da cidade as pessoas que, ao longo dos anos, foi perdendo.


publicado por pena-fiel às 17:55
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
28
29

30


posts recentes

Estados de espírito

PIDDAC

Autárquicas 2009

OPÇÕES

"MUDAR DE DISCURSO"

Ventos que sopram do Avan...

Afinal a senhora fala!

EXIGIR COMPROMISSOS

Muda-se de líder, mantém-...

Fuga para a frente

arquivos

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

tags

todas as tags

links
participar

participe neste blog

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds